Blog

7 dicas para lidar com a saudade

saudade

Saudade. Uma palavra e um sentimento único. Além de ser uma palavra encontrada somente no vocabulário dos falantes de português, é um sentimento exclusivo de uma determinada classe de mamíferos.

Dia 30 de Janeiro é o dia nacional da saudade. Por isso, neste artigo iremos falar sobre a saudade, como não confundi-la com outros sentimentos e dar algumas dicas de como lidar com ela sem se machucar. Continue lendo!

O que é saudade?

A saudade pode ser considerado um sentimento misto, nem 100% bom nem 100% ruim. É um sentimento típico dos chamados mamíferos sociáveis. Segundo o dicionário Michaelis, saudade pode ser definida como: sentimento nostálgico e melancólico associado à recordação de pessoa ou coisa ausente, distante ou extinta, ou à ausência de coisas, prazeres e emoções experimentadas e já passadas, consideradas bens positivos e desejáveis.

Saudade é uma palavra única do português. Em nenhuma outra língua podemos colocar em uma só palavra o sentimento de sentir falta de algo ou alguém. Alguns idiomas têm palavras similares, mas nenhuma delas podem ser utilizadas como tradução literal da palavra saudade.

Sentir saudade pode não ser muito agradável. Tudo vai depender do que ou de quem sentimos falta. A saudade mais comum é de pessoas que muitas vezes não podemos ter de volta, como ex parceiros, parentes falecidos e pessoas que moram longe. 

Saudade vs Nostalgia

A nostalgia pode ser muito parecida com a saudade, no entanto não é tão afetiva e pessoal. Via de regra, usamos a palavra nostalgia ao nos referirmos a filmes, músicas ou situações passadas. Esses exemplos nos fazem resgatar memórias, mas não nos trazem desconforto ou tristeza. 

De uma maneira geral, a nostalgia não nos traz uma mistura de sentimentos, enquanto a saudade pode tocar em uma ferida.

O lado ruim da saudade

A saudade resgata boas memórias, trazendo a tona sensações indescritíveis. Porém, nem sempre ela é assim com todos. Em alguns momentos, sentir a falta pode ser extremamente doloroso. 

Lidar com esse sentimento pode ser um suplício para muitas pessoas, trazendo a tona memórias difíceis de lidar. A saudade começa a se tornar prejudicial quando a pessoa começa a ficar desmotivada e melancólica. Por isso, separamos algumas dicas de como lidar com esse sentimento.

Não segure o choro

Chorar é a melhor maneira de colocar os seus sentimentos para fora.Reprimir o choro e a saudade pode ser prejudicial tanto para saúde mental quanto física.

É normal também que você não consiga chorar. Mas tente liberar esse sentimentos de alguma forma. Exercícios físicos e sessões de terapia podem te ajudar nesse caso.

Aceite e sentimento

Esse pode ser um dos momentos mais difíceis. Aceitar que algo ou alguém pode não voltar é um trabalho árduo.

No entanto, quando conseguir aceitar, entenda que ela não está presente para te trazer raiva. A aceitação desse sentimento vai te trazer uma maior paz de espírito.

Traga as pessoas queridas para perto

Quando sentimos falta de algo ou alguém, às vezes precisamos estar perto de quem nos quer bem. Isso porque, essa pessoa vai conversar, tentar entender e amenizar a dor.

Além disso, se cercar de amigos e parentes pode ser uma maneira de te distrair e mudar o seu foco, pontos muito importantes na hora de lidar com a saudade.

Porém, nem sempre estamos perto dessas pessoas, podendo elas mesmas serem o motivo da saudade. Com a tecnologia atual, as chamadas de vídeo podem ser um caminho para aliviar esse sentimento.

Pratique a gratidão

Quando sentimos saudade de algo ou alguém é porque em algum momento aquilo nos fez bem. Agradeça. Tenha gratidão por aquela pessoa ter te feito feliz, lembre-se dos bons momentos juntos. Essa é uma ótima maneira de mudar o foco.

Precisamos lembrar que a dor da saudade nunca vai sumir, mas, com o tempo, ela vai ser substituída pelas boas lembranças e momentos vividos. Lembre-se do que foi bom.

Respeite o seu tempo

Tempo é uma das maiores curas. As coisas não acontecem quando queremos, tudo tem o seu tempo. Aprender a lidar com a falta leva tempo e cada um tem o seu. 

Tente ter calma, não se apresse. O tempo que demorar vai ser exatamente o necessário para você se curar, aceitar a saudade e abraçá-la.

Lembre-se dos bons momentos

Toda vez que sentimos saudade de alguém, nos lembramos dos momentos felizes que vivemos com aquela pessoa. Use isso ao seu favor. Aprecie aquela lembrança, aproveite a memória.

É sabido que não iremos ter momentos passados de volta, mas quando nos recordamos deles, podemos olhá-los como algo bom. Ainda bem que você tem momentos felizes para se lembrar.

Viva o agora

A saudade pode te fazer ficar preso no passado, te prejudicando. Não devemos esquecer o que já vivemos, mas também precisamos viver o agora. É preciso existir um equilíbrio entre o passado e o presente.

Não fique remoendo o que já aconteceu. O passado é impossível de mudar, mas o futuro não, e para isso, precisamos viver o presente.

Inpa – Instituto de Psicologia Aplicada, Asa Sul, Brasília – DF, Brasil.

Você deve estar logado para postar um comentário.

×